INSS amplia prazo para que segurados convocados façam o agendamento de perícias médicas

O Ministério do Desenvolvimento Social ampliou para até 21 de agosto o prazo para segurados do auxílio-doença convocados pelo Diário Oficial da União agendarem nova perícia junto ao Instituto Nacional de Seguro Social (INSS). O Rio Grande do Sul, com 9.986 nomes, é o Estado com o maior número de chamados pelo órgão, respondendo por 18% do total de 55.152.

Marque na agenda
– A data marcada deve ser rigorosamente respeitada. Do contrário, o benefício é suspenso.
– Caso se encontre internado ou enfermo e não puder comparecer à perícia, deverá pedir a uma pessoa de confiança que informe, em uma agência do INSS, sobre o impedimento o quanto antes.
– Se faltar sem apresentar justificativa, o benefício será suspenso até que uma nova perícia seja agendada e realizada.
– É necessário que esse representante apresente, na ocasião, a identidade do segurado e um documento que comprove o impedimento.